Marcadores

Acrósticos (51) Pílulas (49) Homenagens (20) Desabafos (15) Sonetos (15) Mulheres (12)

O Que Este Poeta Está Lendo?

segunda-feira, 25 de março de 2013

Mais Um Soneto De Mágoas

Essa dor é horrível assim,
E talvez não tenha fim,
Mais eu tento de ti me aproximar,
E tu vens sempre a me rejeitar.

Se te mostro uma visão da realidade,
Tens para mim um olhar de crueldade,
E nem se quero partilhar tua Religião,
Tu abrandes este teu duro Coração.

Só demos-nos profundos cortes,
Perdidos entre muitos caminhos,
Só nos jogando em espinhos.

Caminhamos por uma trilha de mortes,
E só nos sobraram Mágoas desgraçadas,
Numa casa de Alianças despedaçadas.

25 de Março de 2013
O Filho Perdido

2 comentários:

  1. Que profundas e sinceras palavras compartilhaste aqui em seu espaço..

    Seus versos me tocaram profundamente, parabéns por este belo escrito!

    Um abraço..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado por tua visita e teu comentário, isso é muito importante para mim. Um abraço.

      Excluir