Marcadores

Acrósticos (51) Pílulas (49) Homenagens (20) Desabafos (15) Sonetos (15) Mulheres (12)

O Que Este Poeta Está Lendo?

terça-feira, 23 de abril de 2013

Desejo Agudo

Tormento silencioso,
Estopim nervoso.
Vontade de te socar,
E teu espírito quebrar.
Se me relegas ao abandono,
Não espere de mim apoio.
De tão mais forte que é o rancor,
Ele suprimiu todo possível amor.
Agora o ódio bate a porta,
E quero dar a ele boa resposta.
Faça o que é melhor para nós dois,
Morra logo, agora e não depois.

23 de Abril de 2013
O Filho Perdido