Marcadores

Acrósticos (51) Pílulas (49) Homenagens (20) Desabafos (15) Sonetos (15) Mulheres (12)

O Que Este Poeta Está Lendo?

domingo, 8 de dezembro de 2013

Buscando Companhia

Desgraça e abandono,
Rondam e estão entorno,
Deste que vos escreve,
Com o coração como a neve.

Bela, fria e mortal,
Em agonia muito real,
Todo este meu canto,
Não passa de pranto.

Você que isso lê,
Só que nunca vê,
Não sentes dor,
Em seu anterior?

08 de Dezembro de 2013
O Filho Perdido

sábado, 7 de dezembro de 2013

Mais Um Sonho

Nessa noite eu sonhei,
Que no teu corpo eu amei,
E ali contigo desapareceu,
Tudo que na vida me doeu.

07 de Dezembro de 2013
O Filho Perdido

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Saudosa Terapeuta II

Aquele encontro trouxe esperanças,
Que hoje são distantes lembranças,
Andamos passos tortos e errados,
Por caminhos desde cedo mal fadados.

Se o que tivemos realmente morreu,
O sonho em mim até hoje permaneceu,
De longe ainda observo teus risos,
E ouço tua voz suave como guizos.

Deslumbro o esplendor do teu andar,
Ainda que não deva me aproximar,
Tanto eu tenho e deveria te agradecer,
Mas impaciente espero uma chance aparecer.

06 de Dezembro de 2013
O Filho Perdido

Meu Amigo Secreto

Sejam estes humildes versos,
Ungidos, belos e concretos,
Edificantes e reconfortantes,
Leia-os de coração aberto,
Leve-os de hoje ao eterno,
Espero que encontres magia,
Nessa Amada Amiga, a Poesia.

06 de Dezembro de 2013
O Filho Perdido